Noticias

Polícia faz busca em apartamento na Ponta Verde de casal suspeito de venda ilegal de assinatura do Campeonato Inglês

Um casal que mora no bairro da Ponta Verde, na orla de Maceió, foi alvo de um mandado de busca e apreensão na manhã desta terça-feira (28). A ação faz parte da ‘Operação 404’, que mira sites e aplicativos piratas que vendem assinaturas e acesso ilegal ao Campeonato Inglês.

Segundo o delegado Thales Araújo, o casal é de Sergipe e mora em Maceió há alguns meses. No momento do cumprimento do mandado, apenas a mulher, de 26 anos, as filhas e a babá se encontravam no apartamento. A mulher informou que o esposo, de 31 anos, está em Aracaju.

A Diretoria de Inteligência Policial (Dinpol) da Polícia Civil investiga se o homem e a mulher fazem parte do esquema de pirataria. Dois telefones foram apreendidos e vão passar por perícia para coleta de dados. Policiais da Operação Policial Litorânea Integrada (Oplit) também participam da ação.

A operação acontece em todo o país contra suspeitos de organizar e vender serviços piratas de streaming e TV por assinatura – incluindo transmissões clandestinas de jogos do Campeonato Inglês de Futebol (Premier League).

Segundo o governo brasileiro, a sexta fase da “Operação 404” envolve também órgãos de aplicação da lei de Argentina, Estados Unidos, Peru e Reino Unido. Além disso, a própria organização da Premier League colabora com as investigações.

Ao todo, a operação inclui:

  • cumprimento de 24 mandados de busca: 22 no Brasil, 1 na Argentina e 1 nos Estados Unidos
  • derrubada de 606 sites piratas, sendo mais de 300 deles no Peru e aproximadamente 100 ligados à pirataria dos jogos do Campeonato Inglês
  • retirada do ar de 19 aplicativos de streaming ilegal

O nome “Operação 404” faz referência ao código exibido por páginas em HTML quando o endereço virtual não foi encontrado ou não está disponível. E foi escolhido porque um dos principais objetivos da operação é, justamente, derrubar páginas que violam direitos autorais.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo