Noticias

Brasil volta a campo pela Copa, contra Camarões, mais ‘suave’ e com time reserva

Nos dois primeiros jogos da fase de grupos da Copa do Mundo do Catar, contra Sérvia e Suíça, o Brasil fez o seu dever de casa, com isso, pôde ir mais tranquilo para a terceira e última rodada. Nesta sexta-feira (2), às 16h (de Brasília), nossa seleção, já garantida nas oitavas de final, encara Camarões, com uma equipe considerada reserva.

Líder do Grupo G e com 6 pontos, resta saber se a seleção brasileira se classificará em segundo ou primeiro da chave, interferindo no duelo da próxima fase, que poderá ser com qualquer um dos times do Grupo H (Portugal, Gana, Coreia do Sul e Uruguai), que também jogam nesta sexta. Com um empate, já nos garantimos na ponta; em caso de derrota sul-americana, a Suíça precisa perder ou empatar com a Sérvia, no mesmo horário.

Sofrendo com lesões, o técnico Tite e sua comissão resolveram poupar aqueles atletas considerados titulares, visando uma plena recuperação para as próximas fases. Ao que tudo indica, teremos dois volantes de origem e nenhum meia armador, com Gabriel Jesus, que disputa posição com Pedro, atuando como um camisa 9.

Ele falou sobre a escalação. “O Brasil tem 26 grandes atletas. Tenho que dar essa oportunidade para eles porque eu ainda não sei o quanto eles terão de desempenho. Todos precisam estar preparados. Como eu ia saber que Danilo estaria fora? Que Rodrygo atuaria bem assim? A resposta vem no campo”, disse.

Ainda não é possível afirmar que o lateral-direito Danilo, com uma lesão no tornozelo esquerdo, o lateral-esquerdo Alex Sandro, com dores no quadril, e o atacante Neymar, com o tornozelo direito machucado, voltam na próxima partida. Caso passe em primeiro, o Brasil joga pelas oitavas na segunda-feira (5); se for em segundo, duelo será na terça (6).

Com sua convocação contestada, o lateral-direito Daniel Alves irá atuar, e como capitão. No alto de seus 39 anos, o jogador, mais vitorioso da história do futebol com 43 títulos, baterá o recorde de jogador mais velho a atuar com a camisa amarelinha num Mundial. “Não importa a competição, para mim, o importante é representar o meu país. É um orgulho poder estar aqui e encerrar esse ciclo na seleção brasileira jogando uma Copa do Mundo”, falou.

Camarões
A seleção africana está em terceiro lugar, com apenas um ponto conquistado, a mesma quantidade que a Sérvia, lanterna do grupo. Após derrota para a Suíça, empatou por 3 a 3 com os sérvios.

A equipe vive um momento turbulento nos bastidores: há alguns dias, o goleiro André Onana, um dos principais nomes da delegação, foi afastado após desentendimento com o técnico Rigobert Song. Caso ocorreu antes da última partida, na qual Epassy foi o titular.

Para passar de fase, os camaroneses necessitam de um triunfo sobre a seleção pentacampeã do mundo, além de torcer por uma vitória da Sérvia sobre a Suíça, por menos gols de diferença que ela própria. Esperança de gols está em Choupe-Motig, jogador do Bayern de Munique e que marcou um gol no Catar.

Ficha técnica
O quê: Camarões x Brasil

Motivo: 3ª rodada do Grupo G da Copa do Mundo

Quando: sexta-feira, 2 de dezembro de 2022, às 16h (de Brasília)

Onde: Lusail Stadium, em Lusail, no Catar

Provável Camarões: Epassy; Fai, Castelletto, N’Koulou e Tolo; Zambo Anguissa, Hongla e Kunde; Mbeumo, Toko Ekambi e Choupe-Motig. Técnico: Rigobert Song

Provável Brasil: Ederson; Daniel Alves, Éder Militão, Bremer e Alex Telles; Fabinho e Fred; Rodrygo, Antony, Gabriel Martinelli e Gabriel Jesus. Técnico: Tite

Arbitragem: Ismail Elfath (EUA); Kyle Atkins (EUA) e Corey Parker (EUA). VAR: Alejandro Hernandez (ESP)

Transmissão: TV Globo, SporTV e Cazé TV, no YouTube

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo