Noticias

Polícia do Amazonas confirma que artista venezuelana foi encontrada morta

A Polícia Civil do Amazonas confirmou que o corpo encontrado em Presidente Figueiredo, interior do estado, na noite da última sexta-feira (5) é de Julieta Hernández, artista venezuelana, que estava desaparecida desde o último dia 23 de dezembro. Segundo a Secretaria Pública do estado, a identificação foi realizada por meio de exame de necropapiloscopia.

Julieta Hernández desapareceu no dia 23 de dezembro quando estava a caminho da Venezuela, seu país natal, de bicicleta. Artista nômade, ela estava hospedada em um refúgio na cidade de Presidente Figueiredo, cidade turística no interior do Amazonas. O casal responsável pela morte da artista foi preso também na noite de sexta.

A Secretaria de Segurança Pública do Estado do Amazonas, por meio do Departamento de Polícia Técnico-Cientifica, identificou como sendo de Julieta Inés Hernández Martínez o corpo encontrado na noite desta sexta-feira em uma área de mata, no município de Presidente Figueiredo.

A identificação foi realizada por meio do procedimento de necropapiloscopia, realizado pelo Instituto de Identificação do Aderson Conceição de Melo (IIACM) com apoio da equipe técnica do Instituto Médico Legal do Amazonas (IML).

O caso
Um casal foi preso pela Polícia Civil do Amazonas na noite desta sexta-feira (05), suspeito de envolvimento no desaparecimento e na possível morte de Julieta Hernandez, artista venezuelana desaparecida desde o dia 23 de dezembro.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública do AM, um corpo foi localizado enterrado em uma mata na cidade de Presidente Figueiredo, interior do estado, próximo ao local onde Julieta foi vista pela última vez. Conforme a SSP-AM informou, o Departamento de Polícia Técnico-Científico (DPTC) trabalha na identificação para confirmar se realmente é a artista.

Informações levantadas pela CNN com fontes policiais do Amazonas apontam que o casal teria confessado o assassinato de Julieta. O crime teria sido cometido por conta do roubo do celular da artista, aliado a uma briga do casal por ciúmes. Julieta teria sido abusada pelo homem e morta por sua esposa, após um ataque de ciúmes dela.

Os policiais encontraram, próximo à casa dos suspeitos, partes da bicicleta utilizada pela artista. O equipamento estava nas proximidades onde o corpo foi localizado.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo