Noticias

Filho “Metralha” tenta suicídio

Um homem de 35 anos se jogou do quarto
andar de um hotel no centro da cidade, na
madrugada de quarta-feira, 4/6. Ele é Renato
Carlos Sampaio Raggio, que foi preso na última
quinta-feira, 29/5, por uso de documentos
falsos e porte de arma de uso restrito.
Depois de ser liberado, Raggio se hospedou no
hotel com a mulher e os dois filhos. Nervoso,
ele teria decidido por fim a própria vida, se
jogando do quarto andar, onde estava
hospedado. Ele caiu sobre um veículo Kadett
que estava estacionado na frente do prédio e
foi socorrido. Encaminhado ao Pronto Socorro
pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência
(Samu), ele ficou internado na Santa Casa de Caridade com várias fraturas, mas passa
bem.
Durante toda a manhã de ontem, a mulher de Renato, em estado de choque, e as
crianças receberam atendimento psicológico no Pronto Socorro Municipal. A Polícia
vem tratando o fato como tentativa de suicídio, o homem no entanto, disse ter caído
do prédio.
A prisão
Renato Raggio foi preso junto o pai, Aldo Sampaio Raggio e com um tio, em um hotel
da cidade. Com eles a Polícia Civil encontrou documentos falsos, como passaportes,
carteiras de identidades e CPFs, e documentos que indicam a preparação de golpes
dos quais empresários do município eram alvo. A Polícia apurou que o pai de Renato,
apontado como líder do bando, se apresentava como alguém com grande influência
junto ao Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) e oferecia empréstimos de até
R$ 5 milhões a empresários. Em contrapartida, ele pedia cerca de R$ 50 mil, a metade
do valor como adiantamento e o restante após a liberação do empréstimo. E sumia
com o dinheiro.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo